16 de fevereiro de 2016

[Resenha] - Meus Desacontecimentos



Autora: Eliane Brum
Editora: Leya
Ano: 2014
Páginas: 144


Nesse livro forte, a autora narra sua própria história de vida, onde as palavras, dentro de sua cabeça, dos livros (que devora desde pequena) ou que ela mesma escreve, têm um papel principal.

Desde pequena, passou por muitas tragédias e acontecimentos, dentro da própria família e nas relações interpessoais, que ela descreve e passa para o leitor, o que pensou e sentiu no momento e quais conclusões tirou do ocorrido.

A autora nos conta que encontrou na escrita uma forma de continuar a viver.

A história tem diversas passagens densas, daquelas que exigem que o leitor pare por um tempinho para absorver as palavras, as cenas e as sensações para, só então, retornar à leitura.

A autora é de uma sensibilidade incrível e transporta o leitor para uma linguagem poética e, muitas vezes sofrida, sem deixar de ser concreta e real a todo instante.

Eu não a conhecia e, quando pesquisei sobre ela, descobri que se trata de uma jornalista brasileira super renomada, ganhadora de diversos prêmios por suas reportagens.

Leitura mais que recomendada!

Quotes Preferidos:


"Quinze anos depois, quando eu mesma me abri para parir uma menina loira de olhos azuis, me senti um vaso quebrado. Eu era cacos, mas meus sanguinolentos cacos de carne não formavam nenhum vitral."

"Quando a alma estala fingem que não sabem de onde vem a dor."

"Compreendi que ela tinha me roubado 7 cruzeiros e a inocência, mas que a nossa queda de braço ela já tinha perdido ao nascer."


Clique aqui, e adicione Meus Desacontecimentos no Skoob


(Crédito da foto para Claudia Vasconcelos, amiga e leitora!)




42 comentários:

  1. Li esse livro em janeiro e também adorei. Me apaixonei pela forma da escrita dela, me lembrou muito a Clarice Lispector, não vejo a hora de ler o primeiro livro que ela escreveu quando criança.

    parado-na-estante.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora que você me falou, também achei a escrita parecida com a da Clarice. Eu não havia reparado antes! ;)

      Excluir
  2. Oie!
    Boa resenha. Adoro a Eliane Brum e gostei muito de conhecer a premissa desse livro, não imaginava que ela narrava a própria história de vida, com certeza ele vai para o topo de prioridades.Ela é uma autora maravilhosa, já li vários livros de reportagens que ela escreveu e senti neles toda a sensibilidade que você mencionou.
    Uau, e esses quots? Maravilhosos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade, anotei muitos quites, mas acho que ficaria chato colocar todos. Kkkkk. Morri de dúvida de quais escolheria para postar aqui para vocês. Boa leitura!

      Excluir
  3. Oie!!!
    Conhecia a autora porque nos últimos tempos tenho me interessado muito pelos Livros-reportagens. E esses foram os únicos livros que li dela até agora, porém me interessei muito por Meus Desacontecimentos. Gosto de ler esses livros autobiográficos sobre as personalidades que me interesso. Parabéns pela resenha ;)
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Gosto quando um autor usa de suas próprias experiências num livro, acho que faz o leitor se aproximar mais.
    Gostei da dica e super me surpreendeu a Leya publicar um livro assim.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  5. Oi querida, como está?

    Esse livro é fantástico e a narrativa, mesmo pesada, é constante e te leva junto, coisa de jornalista acostumado e narrar o cotidiano com maestria!

    Bel Góes
    http://conchegodasletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oieee Tudo bom???
    Eu não conhecia o livro e a autora !!! Infelizmente, é claro, porque muitos falam muito tem da escrita. Mas não sei se esse tipo de enredo me prende. Mas é sempre bom tentar coisas novas, ainda mais tão recomentada como essa autora e esse livro é !!
    =)
    BJoks

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Nunca tinha ouvido falar do livro nem da autora,e sua resenha me deixou bem intrigada com os fatos que aconteceu com a autora,agora preciso ler pra saber tais fatos!! Não curti muito a capa, achei bem a cara de livro infantil; )

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Esses quotes me deixaram um pouco confusa. Pelo que você falou e pelos trechos fiquei com a impressão de ser um livro muito depressivo. Posso está enganada. Sou jornalista também então vou dar uma pesquisada na autora, que nunca ouvir falar até a sua resenha. Por esse um livro relativamento curto acho que posso até me ariscar a ler um dia.

    Bjs,

    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Não o achei um livro depressivo, apenas um pouco reflexivo. Alguns trechos são de um humor ímpar e outros têm uma beleza poética que não se encontra fácil. Espero que se arrisque a ler, pois eu gostei demais! :)

      Excluir
  9. Primeiro: AMEI A CAPA DO LIVRO.
    Segundo: ADOREI SABER QUE O LIVRO CONTA UMA HISTÓRIA REAL,E QUE MELHOR AINDA,É A HISTÓRIA DA PROPRIA AUTORA.
    Terceiro: Quotes maravilhosas, eu amei.
    Quarto: Quanta coisa essa autora passou, é tão bom saber que ela superou tudo, que hoje é uma pessoa reconhecida.
    Amei a resenha e fiquei com muita vontade de ler o livro.

    http://colecoes-literarias.blogspot.com.br/2016/02/divulgacao-lancamento-fada-madrinha-e.html

    ResponderExcluir
  10. Esse livro é incrível! Forte, tocante... também li dela Uma Duas, e quero ler os outros!!

    ResponderExcluir
  11. Esse livro é incrível! Forte, tocante... também li dela Uma Duas, e quero ler os outros!!

    ResponderExcluir
  12. Oiii
    Amei a resenha!
    Muito explicativa e me passou todas as emoções do livro.
    A autora(personagem) passou por muitas coisas né? O melhor é ver a superação de tudo.
    Amei a capa,achei linda.
    Obrigada pela sugestão.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Ela passou por muitas coisas e olha que nesse livro ela conta apenas parte da infância, heim? Adorei mesmo.

      Excluir
  13. Oiii
    Amei a resenha!
    Muito explicativa e me passou todas as emoções do livro.
    A autora(personagem) passou por muitas coisas né? O melhor é ver a superação de tudo.
    Amei a capa,achei linda.
    Obrigada pela sugestão.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Ei!
    Gostei muito dos quotes, fiquei bem interessada pelo livro!
    Gosto de histórias fortes, que passe ao leitor muitas sensações - que vão desde euforia à angústia. E esse livro parece incrível!
    Bejinhos!
    BLOG PSYCHOTECA | PÁGINA NO FACEBOOK

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bem??

    Eu não conhecia nem o livro e nem a autora, mas a proposta do enredo me parece ser muito boa! Escrever é uma forma de escape maravilhosa... Libera grande parte da carga emocional que estávamos carregando. Obrigada pela dica! Vou procurar saber mais sobre o livro, adorei a resenha

    XOXO
    Umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Também é minha primeira leitura dela e ela concorda com você no livro (sobre escrever ser uma boa alternativa de escape). Bacana! Acho que vai gostar.

      Excluir
  16. Hi baby, tudo bem? ainda não tinha ouvido falar desse livro, me parece ser muito bom e sensível! adorei sua resenha, me fez querer saber mais dele!

    Lilian Valentim
    http://speakcinema.blogspot.com.br/
    beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bom?

    Não conhecia essa autora ou o seu trabalho, mas como você disse que é uma escritora brasileira de renome, deve ter trabalhos muito bons, certo? Vou dar uma pesquisada para saber um pouco mais.

    Adoro saber um pouco mais sobre os escritores, já que é como se os conhecêssemos através dos seus livros. Só que quando lemos um pouco sobre sua história, acabamos nos surpreendendo. Pelo jeito, foi o que aconteceu com esse livro.

    Adorei essa resenha, obrigada mesmo pela dica.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Gostei muito da resenha desse livro, é legal a escritora contar um pouco de si e o mais impressionante usar a escrita e a leitura como forma de superar algo que vivenciou e a fez sofrer. Isso é algo que sempre digo ler e escrever é uma terapia.
    Vou comprar esse livro para ler com toda a certeza.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  19. Não conhecia o livro e nem a autora. Achei a capa estranha em dividir o nome do livro. Sua resenha bem bem rápida e não deu pra ter muita noção do livro, vou procurar mais informações e quem sabe me interesso.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Olá, eu não conhecia o livro ainda mas confesso que fiquei super curiosa com ele, parece ser uma leitura bem cativante e emocionante, eu adoro esses livros que são baseados em fatos reais e já fiquei curiosa com ele!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  21. Adorei o plot da história. Gosto bastante de biografias e relatos pessoais, talvez por isso tenha gostado. Não conhecia a escritora e quando você disse que é um jornalista renomada fui pesquisar, mas realmente não lembro de conhecê-la anteriormente. Mas gostei demais da vida, achei super interessante.

    ;D
    Profissão: Leitora

    ResponderExcluir
  22. Oiee ^^
    Ainda não conhecia esse livro, mas saber que é uma leitura forte e ao mesmo tempo sensível me deixou curiosa para lê-lo, principalmente por ser a história da autora. Fiquei curiosa para saber que acontecimentos foram esses *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Hello! Tudo bem?

    Ainda não conheço mto os livros da Leya e gostei de saber mais sobre o livro Meus Desacontecimentos.
    Infelizmente acho que o livro nao seria pra mim, pois tenho dificuldades com linguagem poética, sempre acho uma viagem e nao consigo pegar as ideias e entender o contexto.
    Fico feliz que tenha gostado e valeu pela recomendação, sempre é bom tentar algo novo.

    Beijos!

    LIVROS E SUSHI - https://livrosesushi.wordpress.com

    ResponderExcluir
  24. Ola Karla não conhecia o livro, mas gostei dessas passagens fortes e densas, mostra a força da protagonista e suas lutas. Dica mais que anotada para ler. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Karla, eu não conhecia o livro,
    mas achei a premissa bastante interessante, fiquei bem curiosa, essa é uma leitura que sem dúvidas eu adoraria fazer. Gostei muito da maneira que você conduziu a sua resenha, ela acabou despertando em mim esse interesse, pois em outra ocasião se eu visse o livro numa prateleira, talvez passasse por ele sem dar muita atenção.

    ResponderExcluir
  26. Hoje em dia é muito difícil ver uma autora narrar a sua própria história. E pelo visto ela passou por muitas situações complicadas. Coitada!!! Quero muito ler esse livro e que bom que hoje ela deu a volta por cima e se tornou em uma jornalista bem renomada. Adorei a resenha.
    Bjss

    livrosemarshmallows.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Olá!!!
    O livro para ser bem intenso e com muita realidade envolvida. O fato de narrar a própria vida mostra que é uma guerreira e que a cada dia lutou para mudar a história. A resenha está simples mas com emoção, parabéns.

    Beijos
    Carla Fernanda
    http://livrosqueliblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Não conhecia o livro. Me pareceu interessante, mas não exatamente o que costumo ler. Gosto quando o livro tem base em acontecimentos reais e se tornam densos e fortes!
    Só não gostei da capa, essa palavra separada me da nervoso kkkk

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  29. Sabe eu nunca li nada assim, mas acho que me agradaria ler sobre a vida de uma pessoal, com sua própria perspectiva.
    Adorei o nome do livro, mas me pareceu ser um relato bem intenso.
    Não conhecia essa jornalista/ escritora Eliane Brum, mas fico feliz por ser Brasileira, nossa escritores estão cada vez melhor.

    ResponderExcluir
  30. Olá.
    Eu gostei da premissa forte de falar sobre a vida da autora e tudo mais, parece mesmo ser um livro interessante para quem curte o gênero.
    E essas passagens densas que você comentou me fez ativar a curiosidade, não sei se leria agora, pois tenho outras prioridades, mas quem sabe um dia.

    Beijinhos

    http://casinhadaliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Oi, tudo bem??

    Ainda não tinha ouvido falar da autora e nem do livro. Apesar de ter gostado da premissa do livro e ter ficado muito curiosa pelo conteúdo do livro, não seria uma leitura para "agora", tenho tantos livros para ler que fica difícil colocar outros na lista. Mas vou deixar anotado e quando tiver um tempo, vou procurar para ler.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  32. Olá... tudo bem???
    Não conhecia a autora nem a obra, mas numa coisa devo concordar... escrever ajuda e muito... seja falando de seus sentimentos, como criando histórias... me curei de depressão assim... sempre fui muito sozinha e anti social, e encontrei no poder das palavras um modo de fugir disse e viver bem... são poucos textos que mostro, mas eles são carregado de meus sentimentos mais obscuros... claro que com o tempo as coisas foram mudando, mas mesmo assim me encontro perdida em meus devaneios... ainda não sei se o livro me inspira em ler, mas só do fato dela escrever tudo que aconteceu com ela dessa maneira tão profunda... já ganha os meus parabéns... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  33. Oii Karla, tudo bem?

    Não conhecia o livro, e não sei se leria no momento. Mas gostei de ver como a escrita ajudou a autora a se recuperar, de continuar vivendo. Gostei de saber também que o texto dela é poético e nos passa emoção. Achei a capa muito bonita.

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  34. Oieeee
    Tudo bom?
    Não conhecia a autora e nem a obra, mas pela sua resenha pude ver como a temática é forte e bem explorada ainda mais que ela encontrou na escrita uma maneira de continuar vivendo.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  35. Oi, tudo bem?
    Não conhecida esse livro, mas gostei da sua resenha e de como apresentou a obra, fez com que eu ficasse interessada na leitura. Não conhecia a autora, mas vou procurar a respeito.
    Que bom que a escrita ajudou ela a superar e viver. Dica anotada.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  36. Oi Flor.
    Não conhecia o livro, mas dá para perceber o quanto é forte.
    Gosto de leituras que nos fazem refletir.
    Bom saber que a sensibilidade foi capaz de tocar o leitor.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  37. Oi, obrigada pela indicação, ainda não conhecia a obra, mas ela parece ser bem interessante, apesar de não ser meu estilo literário.

    http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

© Pacote Literário ♥ 2016 - Todos os direitos reservados. Personalizado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo