20 de fevereiro de 2017

[Entrevista] Cristiane Krumenauer

Olá, leitores!

Hoje é dia de mais uma entrevista com os autores parceiros do nosso Pacote Literário e a entrevistada do mês é a querida Cristiane Krumenauer.

Vamos conhecer um pouquinho mais sobre ela?!



1 - Quem é Cristiane Krumenauer? 

R: Olá, pessoal. Sou uma amante da arte literária, autora de Atrás do Crime; Chamas da Noite; Memória, Imaginação e Narração; e da série Contos da Namíbia, escritos no período em que vivi na África, coletando histórias de pessoas de diferentes tribos e que as sabia relatar em inglês. Sou mestre em Letras pela Uniritter Laureate International Universities e especialista em Literatura Brasileira pela UFRGS. Mãe de um garotinho chamado André e esposa do Marcelo, vivendo num estilo nômade de mudança a cada dois anos, sem moradia fixa nem parada. 

2 - Quando e como começou a escrever?

R: O processo se deu em três etapas. Na primeira, eu era pequena e escrevia e montava meus próprios livrinhos, incluindo capa. Era apenas um passatempo. Na segunda etapa, em 2011, passei a ouvir as histórias que os alunos me contavam e escrevê-las por meio de contos, acrescentando uma pitadinha de ficção para deixar o texto eletrizante. Postava tudo no blog (o mesmo que mantenho hoje) ou lia em voz alta, para que a turma toda ouvisse. Os alunos gostavam de ver sua história materializada na escrita, sentiam que suas lembranças ficariam registradas para a eternidade depois de postas no papel. A terceira etapa veio depois que meu filho nasceu e eu tive que me desligar do trabalho como professora de Inglês, Literatura e Produção Textual. Foi nesta época que decidi que me aventuraria em escrever um romance, que acabou sendo intitulado Chamas da Noite. Não tinha um objetivo definido, apenas queria escrever. Sequer imaginava que a obra seria publicada. Foi emocionante e inesperado receber o “sim” do editor. O episódio fez com que eu me situasse no mundo. Disse para mim mesma: “É o caminho”. Estou nele desde então.

Foto tirada em Swakopmund, litoral da Namíbia

3 - Tem algum autor que considere uma referência para o seu trabalho como escritora? 

R: Essa pergunta é sempre complicada. Tento resumir a resposta, do contrário, escrevo uma lista infindável. Gosto da Lygia Fagundes Telles e do que ela faz com seus leitores – além de obrigá-los a viajar com ela, faz com que vão além para tentar captar o sentido de suas mensagens. Gosto de Guimarães Rosa e de sua habilidade com a linguagem. Inês Pedrosa, pela delicadeza com que cria as histórias. Gosto do Stephen King por sua inteligência e facilidade com que reproduz o temor dos homens. Curto Dan Brown por todo o trabalho de pesquisa bibliográfica e de campo que compõem o fundo de suas obras. Sidney Sheldon, pela fluidez das ideias. Harlan Coben, por ter comprovado que não é necessário usar uma linguagem chula para construir personagens verossímeis. Enfim, como disse, a lista é infindável. 

4 - Fale um pouco sobre “Atrás do crime”. 

R: Atrás do Crime nasceu de uma pesquisa que meu marido fez em 2010 num país sobre o qual devo manter sigilo. Acompanhei-o durante todo o tempo, mas quase fui extraditada. Precisou haver intervenção da diplomacia militar para que eu permanecesse. Três anos depois, a pesquisa virou tese de Mestrado; dois anos depois, inspirou uma obra de ficção.  É um livro que gosto muito por trazer personagens complexos – o vilão não é mau, não é nenhum sociopata que gosta de ver o sofrimento alheio. Ele entra no esquema do tráfico e é forçado a dançar a dança da violência, embora não deseje isso. Do lado do bem, temos o agente Giorgio, o cérebro das operações transnacionais de desmantelamento do crime organizado. É uma máquina de pensar, tanto quanto o vilão. Um dia, mocinho e bandido irão se encontrar. O encontro é surpreendente. 

Resenha aqui

5 - Tem algum personagem favorito em algum de seus livros ou um com quem mais se identifique? E quanto às características dos personagens, você se inspirou em alguém que conhece?

R: Gosto do Giorgio e do Alberto de Atrás do Crime. O herói e o anti-herói, se você analisar bem, se completam. A existência de um depende da existência do outro. Giorgio não seria um mocinho se não houvesse Alberto – o Mestre da Logística das Drogas. Por outro lado, Alberto não seria um mestre sem Giorgio, porque trazer a droga de fora seria muito simples para ele. Em quem me inspiro? Inspiro-me em experiência própria, pessoas e cenários que conheço. A visita de Giuliana Salletti a Cartagena, onde ela negocia com um traficante, é baseada num passeio que eu mesma fiz até lá. Sem a mesma pompa, claro. E também sem o traficante (risos). 

6 - Qual o seu próximo projeto?

R: Um suspense em que a inspetora de polícia precisa identificar o sequestrador antes que ele mate suas vítimas. O criminoso se inspira no período de escravidão do Vale do Paraíba (SP), século XIX, para torturar as reféns. É um livro mais tenso, mais violento. E assim como todos os outros, com um final inacreditável. 

Evento da CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa), realizado na Namíbia/2015

7 - Deixe um recadinho aos nossos leitores.

R: Galerinha que acompanha o Pacote Literário, para mim, é maravilhoso compartilhar com vocês um pouquinho de mim e de meu trabalho. Espero que tenham gostado. Caso alguém já tenha lido um livro ou conto meu, fique à vontade para conversar e comentar. O retorno dos leitores faz com que os escritores não se sintam tão sós no mundo. Então, comentem, critiquem ou elogiem. Nós, autores, aprendemos muito ouvindo! Agradeço também à equipe do Pacote Literário pela parceria e constante presença na minha vida! Super feliz de fazer parte deste blog maravilhoso! Beijo a todos. 


  
Cristiane, somos nós que lhe agradecemos pela concessão da entrevista!! A Equipe do Blog Pacote Literário tem orgulho em ser parceira de autores nacionais tão talentosos quanto você e lhe deseja muito sucesso em sua caminhada literária! 



4 comentários:

  1. Que bacana a entrevista!
    Gostei das respostas e das fotos. Eu ainda não conhecia a autora e fiquei curiosa com o trabalho dela.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela entrevista, meninas! E também por escolherem parceiros tão bons para o blog! Me interessei por esse livro da autora, parece muito legal! Bj!

    ResponderExcluir
  3. Nossa! Que linda a entrevista! Curti bastante saber mais sobre ela. E o que achei mais legal era o jeito como ela cuidava dos alunos, escrevendo suas histórias. Acho que eu tb ficaria extasiada se tivesse uma minha assim com um toque de ficção tb. Mt legal mesmo!
    Bjks!

    www.mundinhodahanna.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oii
    Adoro saber mais sobre os autores e suas inspirações!
    Nossa a vida da Cristiane parece ser bem agitada e emocionante. Achei super legal o fato de ela escrever as histórias dos alunos e contá-las a eles, realmente eles deveriam se sentir importantes.
    Adorei conhecer um pouco mais sobre o livro dela também. Vou colocar na wishlist.

    https://vicioseliteratura.blogspot.com.br/2017/02/sorteio-de-carnaval-sao-3-kits-de-livro.html

    ResponderExcluir

© Pacote Literário ♥ 2016 - Todos os direitos reservados. Personalizado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo