16 de fevereiro de 2017

[Resenha] Vestido Vermelho de Sangue



Conto de Amanda Ághata Costa

O conto é narrado pela princesa Elisa e começa com os preparativos para uma festa no castelo, na qual ela conhecerá seu pretendente Guilherme, um jovem que todos julgam ser o marido ideal para a princesa.


“Outro príncipe mimado não me fará ser mais mulher do que já sou”.


Talvez casamento não seja bem o que Elisa quer. A personagem é forte e consciente dos perigos que a cercam, em parte pelo gosto por livros de demônios, em parte porque alguns membros de sua família sabem como caçá-los, incluindo a narradora, cujo desejo é tornar-se caçadora de demônios.


“Mefisto (...), senhor das trevas e que apenas mulheres fortes e determinadas eram capazes de bani-lo de nosso mundo”.


Com essa premissa já dá para imaginar o que vem pela frente nessa história. Vestida de vermelho, carregando uma adaga especial por pura prevenção, Elisa mostra que o perigo está mais perto do que os outros imaginam.


“Diferente de muitas princesas que fugiriam para longe, os instintos me levam exatamente para perto daquilo”.


Eu precisava de algumas páginas a mais dessa história. O ritmo é frenético, mas acaba rápido e fica aquele gostinho de quero mais. 

Dá vontade de conhecer Elisa, acompanhá-la em suas aventuras e ver o rumo que sua vida tomará.


Este poderia ser o prólogo de um romance, ou de uma compilação de aventuras da narradora. Certamente um livro para ter na estante e mergulhar na história.



Vestido Vermelho de Sangue faz parte da Antologia Demontale, da Editora Arwen. 
Para saber mais clique aqui



10 comentários:

  1. Oie! Esse livros aprece ser bem legal! :) Eu gosto desse gênero literário e a Elisa me pareceu ser bem a frente do seu tempo. O que tava na hora mesmo de aparecer... mulheres que independente da época em que vivem não pensam apenas em casamento perfeito. Pensam no que elas querem pra vida delas. E esse dom que ela tem de caçar esses seres malvados deu um toque a mais. Eu gostei e devoraria todas as páginas... rs
    Bjks!
    www.mundinhodahanna.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elisa é mesmo, muito espevitada e senhora de si. Excelente personagem!

      Excluir
  2. Muito interessante! Só o enredo já me deixou com uma super vontade de ler ao livro e conhecer a força de vontade de Elisa.
    Eu amei a sua resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Sinistro essa parte dos demônios, dá vontade de saber mais.
    Acho tão difícil fazer resenha de conto, a sua ficou perfeita! Parabéns!

    bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sinistro é pouco! Me segurei para não dar spoiler, mas adianto que há muita ação nesse conto 😉.

      Beijos

      Excluir
  4. Oii
    A história do livro parece ser muito autêntica! Adorei!
    Já faz um tempinho que estou com vontade de adquirir Demontale <3
    Agora deu mais vontade ainda!

    ResponderExcluir
  5. Oi
    Olha adorei a história desse conto! Mulheres fortes são sempre uma ótima pedida e elas são fundamentais em livros de fantasia, parece que casam melhor com esse tipo de trama. Eu já tinha visto essa antologia, achei a capa linda, mas não estava com verba para comprar, quem sabe num evento da vida acabo adquirindo? Vontade pelo conto já rolou aqui...

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo! Personagens fortes e decididas, como a Elisa, deixam a história muito mais interessante.

      Beijos

      Excluir
  6. Betinha, que demais! Gostei muito da resenha do conto e da forma que falou sobre ele. Realmente é mais curtinho, até porque a editora exigia um certo número de caracteres, mas tenho planos de transformar essa história em um romance no futuro. Quem sabe aconteça logo, né?! Beijos!

    ResponderExcluir

© Pacote Literário ♥ 2016 - Todos os direitos reservados. Personalizado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo