2 de agosto de 2017

[Resenha] A Caixa-Preta


A CAIXA-PRETA
Autor: Michael Connelly
Editora: Suma de Letras
Ano: 2017
Páginas: 304

Livro cedido em parceria com a editora

SinopseEm 1992, Los Angeles viveu uma onda de protestos que deram início a vários dias de anarquia e violência. Foi quando o detetive Harry Bosch viu a fotojornalista Anneke Jespersen pela primeira vez assassinada à queima-roupa no fundo de um beco escuro. Na confusão da época, o crime nunca foi resolvido.Vinte anos depois, Bosch tem uma nova chance de solucionar o mistério. Um caso o leva de volta àquela fatídica noite, e ainda mais longe, aos campos de batalha onde Anneke fez registros sangrentos e crimes de guerra foram enterrados crimes que há décadas esperam por justiça.




Em 1992, a polícia de Los Angeles está em apuros com uma onda de protestos que assola a cidade, em meio ao caos, Anneke Jesperson, jornalista, é encontrada morta em um beco, porém com toda confusão da época seu caso acabou sem solução e foi arquivado.

Vinte anos depois, Harry Bosch, policial de homicídios do caso anterior, está em uma nova investigação e tudo indica que o crime atual está relacionado ao assassinato de Anneke.



Bosch, que já não tinha ficado satisfeito com o arquivamento da morte de Anneke, dessa vez entra com tudo na investigação, ele quer justiça à jornalista assassinada.

Só que como a morte ocorreu há duas décadas atrás não será nada fácil juntar as peças desse enigma, porém, Bosch é persistente e vai provar que nada é impossível.

A única pista que ele possui é uma Beretta 92, usada pelo exército de Saddan no Kuwait. O que leva a crer que exista muito mais por trás da morte de Anneke, até mesmo uma conexão à Guerra do Golfo.

"Jespersen fora atrás de mães e filhos e das pessoas mais prejudicadas e desprovidas pela guerra. Talvez fossem apenas palavras e imagens, mas juntas contavam o lado humano e o custo de uma guerra tecnológica e suas consequências."

A escrita do Connely é bastante eletrizante, o autor sabe dosar muito bem o suspense com diálogos inteligentes e personagens bem construídos, o que faz com que o leitor fique preso a cada página e torna a leitura muito mais rápida. Você quer saber o final!

Bosch é um personagem que cativa, por sua determinação e por ser totalmente destemido, não se dobra aos obstáculos, é firme em suas ações e seu modo de investigar é ímpar.



O que é legal é que para quebrar um pouco o clima pesado da investigação temos algumas partes também de Bosch com sua filha Maddie, uma jovem de 15 anos, bastante inteligente e observadora, que já sonha seguir os passos do pai.

A Caixa Preta é uma trama bem desenvolvida e excelentes personagens. Todas as camadas que envolvem o mistério sobre a morte de Anneke são bem descritas e convincentes.

"Era uma investigação padrão. O modo mais eficiente e rápido de acabar com uma conspiração era identificar o elo mais fraco da corrente e encontrar um jeito de usá-lo. Quando um elo era rompido, a corrente se desmanchava."

Esse foi o primeiro livro que li do autor e fiquei muito satisfeita. Repleto de ação, mistérios e intrigas, A Caixa Preta é um suspense de tirar o fôlego de qualquer um!


A diagramação está perfeita e a capa, apesar de simples, fala muito da história. Adorei e já quero ler outro do autor!


Clique aqui e adicione A Caixa-Preta no Skoob



2 comentários:

  1. Opa! Mais um livro para colocar na minha lista de "para ler"! =)
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir
  2. Adoro livros com tema de investigação, suspense e mistério e já vi que esse será uma boa pedida! Vou ler! Bj

    ResponderExcluir

© Pacote Literário ♥ 2016 - Todos os direitos reservados. Personalizado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo